Iran Galeria de Arte
(32) 3215.5540 Batista de Oliveira, 1008 - Centro - Juiz de Fora / MG Molduraria e Galeria de Arte

Arlindo Daibert

O artista plástico Arlindo Daibert Amaral nasceu em Juiz de Fora, em 1952. Formou-se em Letras pela UFJF em 1973. Fez curso de técnicas de gravura no Atelier Calevaert - Brun, em Paris, em 1975-1976. Foi professor do Departamento de Artes da UFJF. Faleceu em 1993. Uma mostra de sua obra encontra-se exposta no Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro – MAM / RJ. Um catálogo denominado "O desenho moderno no Brasil, Coleção Gilberto Chateaubriand", de quadros do MAM / RJ, descreve Arlindo da seguinte forma: "Um dos principais representantes da "Escola Mineira do Desenho" e certamente um dos melhores desenhistas que surgiram no Brasil dos últimos anos, Arlindo cedo se destacou pelo humor viperino ou pela manipulação erótica de temas aparentemente ingênuos (como sua série Alice no País das Maravilhas), dono de uma maestria rara dos seus meios”.
 

Arlindo foi também um escritor, tendo se envolvido em discussões de seu próprio trabalho, do trabalho de seus contemporâneos e de questões mais amplas, como a relação entre artes plásticas e literatura. Organizado por Júlio Castañon Guimarães após a morte do artista, o "Caderno de Escritos" foi publicado pela editora Sette Letras, em 1995. Três artistas juizforanos estão prestando uma homenagem a Arlindo Daibert, na coletiva "Le Grand Voyeur", uma releitura do trabalho do pintor. A mostra, que reúne 30 trabalhos em pintura, desenho e objetos de autoria de Marcela Lima, Marcos Gonzaga e Rogério Batista, esta exposta até o dia 30 de maio, na Casa de Contos, em Ouro Preto. O público juizforano terá acesso à obra dos três artistas no segundo semestre deste ano.
 

Obras de Arlindo Daibert


Arlindo Daibert
67x87 cm


Arlindo Daibert
150x120 cm